À espera de clareza

« Se ainda não está no ponto em que tem clareza, então faça disso o seu primeiro objectivo. É um grande desperdício de tempo viver sem estar claro sobre aquilo que quer. A maioria das pessoas deambula durante demasiado tempo num estado de “Não sei o que fazer”. Esperam que alguma força externa lhes dê essa clareza, sem nunca se aperceberem que ela tem que ser auto-criada. O universo está à sua espera, e não ao contrário, e vai continuar à sua espera até que finalmente se decida. Esperar por ter clareza é como ser um escultor a olhar para um pedaço de mármore, à espera que a pedra comece a desfazer-se dos pedaços desnecessários. Não espere que a clareza se materialize instantaneamente – pegue na ferramenta e faça-se ao trabalho »

— Steve Pavlina

About the Author: Nuno Donato

Formador GTD em Portugal. Apaixonado pela ciência do estudo da mente e do comportamento humano, tenta aprender e ensinar as melhores técnicas, ferramentas e estratégias para optimizar o nosso trabalho e maximizar a vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *