(Este artigo é parte de um Desafio de 7 Dias com PNL. Caso tenha chegado aqui directamente, sugerimos que comece pelo início)

Olhe mais uma vez para as listas e prioridades trabalhadas ontem. Se a sua lista “Não Quero & Tenho” é a maior, o exercício de hoje vai ser especialmente importante para si.

Como foi dito ontem, existem dois tipos de motivação: aquela que nos atrai e aquele que nos repele. Uma pessoa que se oriente mais pela motivação através da aversão terá normalmente a lista “Não Quero & Tenho” mais completa. Embora ambos os tipos de motivação funcionem, os resultados não são exactamente os mesmos. A motivação com origem na aversão procura o alívio, o relaxamento, a segurança, mas não dá o entusiasmo ou a satisfação da motivação pela atracção. Para atingirmos ainda melhores estados internos, aquilo que precisamos de fazer é um redireccionamento da nossa atenção. O exercício de hoje serve para redireccionar a nossa atenção daquilo que não queremos para coisas que queremos.

Comece o exercício fazendo duas colunas. Na primeira coluna, escreva uma cópia da sua lista “Não Quero & Tenho” já com as prioridades definidas ontem. De seguida, para cada item nessa lista (que não quer e tem), pense de que forma poderia escrever esse objectivo de uma forma positiva, que signifique o mesmo para si, mas que passa a ser algo que Não Tenho & Quero. Por exemplo, se “não quero & tenho” 10 quilos a mais, posso provavelmente dizer que “não tenho & quero” um corpo mais elegante e em forma. Se “não quero & tenho” um trabalho entediante e sem futuro, posso dizer que “não tenho & quero” um trabalho interessante e com mais oportunidades.
Desta forma, transforme cada um desses itens de uma forma que seja agradável para si e anote-os na segunda coluna, criando assim uma segunda lista “Não Tenho & Quero“.

Até amanhã! 🙂

Categorias: Artigos

Nuno Donato

Formador GTD em Portugal. Apaixonado pela ciência do estudo da mente e do comportamento humano, tenta aprender e ensinar as melhores técnicas, ferramentas e estratégias para optimizar o nosso trabalho e maximizar a vida.